PUBLICIDADE
Política
Noticia de: 10 de Janeiro de 2018 - 14:09
PT agenda reunião com presidente do tribunal que julgará Lula



 
 

Rovena Rosa/Agência Brasil Presidente do PT do Rio Grande do Sul, ex-ministro Pepe Vargas afirma que a intenção é garantir a realização de atos em apoio ao ex-presidente

 
 

A pedido do PT, o presidente do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores, receberá parlamentares petistas nesta sexta-feira (12) para discutir as medidas de segurança para o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 24 de janeiro.

Deputado federal e presidente do PT do Rio Grande do Sul, o ex-ministro Pepe Vargas afirma que a intenção é garantir a realização de atos em apoio ao ex-presidente. Ele admite preocupação com o risco de conflitos durante as manifestações que, em sua avaliação, poderiam ser provocados por adversários infiltrados.

"Já estamos avisando de antemão: estaremos de cara limpa. Não seremos os encapuzados", afirmou Vargas.

Autor do pedido de audiência, o líder da bancada do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta, enfatiza que a pauta se limitará a questões administrativas: "Vamos falar sobre nosso ato. Não vamos tratar de processo. Não é conosco nem com ele".

    ESTRATÉGIA

A cúpula do PT discute qual será a melhor estratégia para acompanhamento do julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal), em Porto Alegre.

Para a senadora Gleisi Hoffman (PR), presidente da legenda, os militantes e dirigentes petistas, bem como os da Frente Brasil Popular, devem se concentrar em seus Estados de origem. Em Porto Alegre, se reuniriam prioritariamente os residentes nos Estados do Sul do país.

Lula, por sua vez, esperaria pelo resultado em São Bernardo, ao lado da família, possivelmente no Sindicato dos Metalúrgicos, berço do PT.

Além de evitar gastos com as viagens, a senadora Gleisi alega a necessidade de fortalecimento do ato da avenida Paulista, de visibilidade nacional.

Porém, a Executiva paulista do PT definiu como estratégica a organização de uma comitiva com 40 ônibus para o Rio Grande de Sul. Em outra reunião, centrais sindicais decidiram organizar uma caravana também de 40 ônibus. Militantes menos otimistas acreditam que 60 ônibus partirão do Estado de São Paulo. Com informações da Folhapress.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
18/04/2018 - 13:07  Câmara de Dois Irmãos do Buriti realiza oitava sessão ordinária.
18/04/2018 - 12:00  Cármen Lúcia deve assumir presidência de novo
18/04/2018 - 09:11  Presidente da Câmara publica mensagem ao "Dia do Índio" .
17/04/2018 - 16:31  STF tem maioria para tornar Aécio réu por corrupção e obstrução de Justiça
17/04/2018 - 15:57  Avaliação positiva do governo Temer segue em apenas 6%, diz Datafolha
17/04/2018 - 15:11  Prefeito Edilsom empossa conselho curador do PREVDIB.
17/04/2018 - 10:35  Vereadores se reúnem com lideranças do MST.
17/04/2018 - 09:47  Três perguntas para entender o julgamento de Aécio Neves no STF nesta terça
17/04/2018 - 09:47  Senadores farão vistoria da prisão de Lula nesta terça
16/04/2018 - 15:16  Após pedido da PM, manifestantes desocupam triplex atribuído a Lula em Guarujá, SP
16/04/2018 - 15:08  Audiência pública discute preservação do Pantanal
16/04/2018 - 08:59  Em ação política, governador participa de festa em CTG
13/04/2018 - 09:41  Odilon fica isolado por falta de apoio na pré-campanha eleitoral
11/04/2018 - 15:25  Comissão de Vereadores visitam instalações da PM de Dois Irmãos do Buriti .
11/04/2018 - 11:06  Câmara de Dois Irmãos do Buriti aprova Projeto de Lei que prevê feriado no dia 19 de abril.
10/04/2018 - 16:11  Reinaldo reclama de ‘intervenção branca’ e admite aliança com MDB
09/04/2018 - 09:43  A seis meses do 1º turno, eleitor tem 30 dias para transferir, atualizar ou emitir título eleitoral
06/04/2018 - 19:09  Prazo termina e ex-presidente Lula não se apresenta à PF em Curitiba
06/04/2018 - 10:12  Advogados de Lula entram com pedido de habeas corpus no STJ
06/04/2018 - 09:54  Lula decide não se entregar à PF, diz jornal
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE