PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 11 de Janeiro de 2018 - 00:00
Prejuízos com estragos das chuvas já chegam a R$ 13,9 mi



 
 

O prejuízo causado pelas chuvas constantes nos 13 municípios que decretaram situação de emergência em Mato Grosso do Sul já está em R$ 13,9 milhões, de acordo com dados da Defesa Civil estadual. E a tendência é de mais estragos, já que a previsão ainda é de temporais e ontem, três trechos de rodovias do Estado, além de ruas e estradas rurais, foram interditados depois de serem arrastados pela água. Mais de 11.326 pessoas foram afetadas  pelos danos nas 13 cidades.

 A MS-338 – principal acesso a Santa Rita do Pardo –, que já havia sido parcialmente interditada no dia 2 de janeiro, por  desmoronamento de parte da pista, voltou a ser bloqueada ontem. Outro lado da pista caiu, depois que a única galeria que ainda resiste no local não suportou o volume concentrado das chuvas e foi levada pela água, juntamente com o asfalto.

A Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), gestora das rodovias estaduais em Mato Grosso do Sul, informou que já iniciou os trabalhos de reparação da pista e a confecção de um desvio, mas não há previsão para liberação do trecho.

 Em Coxim, o nível do Rio Taquari foi elevado em 48 centímetros ontem, saindo de 472 para 520 centímetros. A alta fez com o que o rio atingisse a cota de emergência e provocou a quinta maior cheia da estação desde 1964, segundo dados da Sala de Situação do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul).

Em Miranda, as constantes chuvas também têm elevado o nível do rio que leva o nome do município, que já alcança 702 centímetros. 

A Sala de Situação do Imasul monitora os leitos dos principais rios do Estado em 12 pontos e informa a Defesa Civil sempre que o nível supera o limite considerado de alerta ou emergência.

* Correio do Estado.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
18/04/2018 - 11:21  Nelson Trad Filho faz palestra sobre o prevenção do câncer de próstata em Dois Irmãos do Buriti.
18/04/2018 - 10:00  Mato Grosso do Sul deve ganhar novo terminal portuário
18/04/2018 - 09:57  Prefeitura divulga resultado de Qualificação Profissional FIC-IFMS.
18/04/2018 - 09:44  A pedido do governo, Justiça libera devastação no Pantanal
17/04/2018 - 15:37  Prefeito Edilsom acompanha engenheiros em retomada de obra.
17/04/2018 - 12:25  Empresas que ocupam mão de obra prisional em MS conquistam certificação nacional
17/04/2018 - 09:20  Cidades de MS terão R$ 13,9 milhões de compensação por usinas
17/04/2018 - 09:18  Rios da Bacia do Alto Paraguai estão assoreando no Pantanal
16/04/2018 - 15:20  Na mesma sala, pai, mãe e filho voltam a estudar para transformar a vida juntos
16/04/2018 - 12:00  Só no mês de fevereiro, mais de 3 mil pessoas assassinadas no Brasil
16/04/2018 - 11:43  Inscrições para o Encceja 2018 começam nesta segunda-feira
16/04/2018 - 10:50  Novo cartão postal, Mirante do Pantanal só será menor do que o Cristo Redentor
16/04/2018 - 09:59  Manifestantes ocupam triplex atribuído a Lula em Guarujá, SP
16/04/2018 - 08:52  Sociedades médicas divulgam orientações sobre vacinação contra a febre amarela
16/04/2018 - 08:50  Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje
13/04/2018 - 10:29  Secretario Municipal de Educação visita obras de construção do novo Centro de Educação Infantil.
13/04/2018 - 10:14  Cheques de até R$ 300 reais serão compensados em 24 horas
12/04/2018 - 09:46  DOF ensina 19 militares do Exército sobre métodos de atuação na fronteira
11/04/2018 - 16:43  Mais de 326 mil domicílios deixaram de receber Bolsa Família em 2017, aponta IBGE
11/04/2018 - 16:34  Queda na receita do ICMS do gás acende "luz amarela" no Estado
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE