PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 11 de Janeiro de 2018 - 00:00
Prejuízos com estragos das chuvas já chegam a R$ 13,9 mi



 
 

O prejuízo causado pelas chuvas constantes nos 13 municípios que decretaram situação de emergência em Mato Grosso do Sul já está em R$ 13,9 milhões, de acordo com dados da Defesa Civil estadual. E a tendência é de mais estragos, já que a previsão ainda é de temporais e ontem, três trechos de rodovias do Estado, além de ruas e estradas rurais, foram interditados depois de serem arrastados pela água. Mais de 11.326 pessoas foram afetadas  pelos danos nas 13 cidades.

 A MS-338 – principal acesso a Santa Rita do Pardo –, que já havia sido parcialmente interditada no dia 2 de janeiro, por  desmoronamento de parte da pista, voltou a ser bloqueada ontem. Outro lado da pista caiu, depois que a única galeria que ainda resiste no local não suportou o volume concentrado das chuvas e foi levada pela água, juntamente com o asfalto.

A Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), gestora das rodovias estaduais em Mato Grosso do Sul, informou que já iniciou os trabalhos de reparação da pista e a confecção de um desvio, mas não há previsão para liberação do trecho.

 Em Coxim, o nível do Rio Taquari foi elevado em 48 centímetros ontem, saindo de 472 para 520 centímetros. A alta fez com o que o rio atingisse a cota de emergência e provocou a quinta maior cheia da estação desde 1964, segundo dados da Sala de Situação do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul).

Em Miranda, as constantes chuvas também têm elevado o nível do rio que leva o nome do município, que já alcança 702 centímetros. 

A Sala de Situação do Imasul monitora os leitos dos principais rios do Estado em 12 pontos e informa a Defesa Civil sempre que o nível supera o limite considerado de alerta ou emergência.

* Correio do Estado.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
22/01/2019 - 10:05  Empresas estão proibidas de ligar para clientes fora do horário comercial
22/01/2019 - 08:18  Farra do Bolsa Família tem servidores e dono de “frota”
21/01/2019 - 11:23  A Secretaria Municipal de Educação divulga resultado de contratação de Professores.
21/01/2019 - 08:40  Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje
21/01/2019 - 08:28  Cheia do Pantanal pode ser menos rigorosa neste ano
21/01/2019 - 08:24  MS mantém contas equilibradas, enquanto 6 decretam calamidade
21/01/2019 - 08:24  MS amplia em 21% geração de energia de biomassa de cana
20/01/2019 - 09:24  Aldeia Buriti celebra 95ª Festa de São Sebastião.
18/01/2019 - 11:48  Mais de 112 mil candidatos zeraram a redação do Enem; 55 tiraram nota máxim
18/01/2019 - 10:29  Marciano, cantor sertanejo, morre aos 67 anos
18/01/2019 - 10:04  Secretaria faz entrega de brinquedos pedagógicos para atendimento psicológico.
17/01/2019 - 16:35  Para ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil
17/01/2019 - 14:52  Multa mínima para quem capturar Dourado em rios será de R$ 2,7 mil
17/01/2019 - 14:43  Técnicos substituirão professores a partir do dia 18 de fevereiro
17/01/2019 - 14:13  Como as empresas de tecnologia podem lucrar com suas fotos no #10YearsChallenge
17/01/2019 - 14:12  Prazo de inscrição para processo seletivo da Força Nacional termina amanhã
17/01/2019 - 14:09  Família da ministra Tereza Cristina tem conflito histórico com índios em MS
17/01/2019 - 09:05  Secretaria de Educação Informa que matriculas para ano letivo de 2019 estão abertas.
17/01/2019 - 08:34  Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017
17/01/2019 - 08:33  Mais de 6,4 mil microempresas devem R$ 136 milhões à Receita
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE