PUBLICIDADE
Política
Noticia de: 06 de Abril de 2018 - 19:09
Prazo termina e ex-presidente Lula não se apresenta à PF em Curitiba



 
 

Prazo termina e ex-presidente Lula não se apresenta à PF em Curitiba

 
 

Terminou às 17h de hoje (horário de Brasília) o prazo estipulado pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal no Paraná, para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se apresentar à Polícia Federal em Curitiba. 

Com a ordem de prisão, expedida ontem (5), Lula está no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP) desde às 19h dessa quinta-feira. O ex-presidente reuniu-se com lideranças do partido e seus advogados. Do lado de fora, militantes fazem uma vigília em apoio a Lula. 

Em Curitiba, o delegado da Polícia Federal Igor Romário de Paula informou que estava negociando com a defesa do ex-presidente para que ele se apresentasse. De acordo com o delegado, não está descartada o prosseguimento da negociação mesmo após o fim do prazo estabelecido pela Justiça.

O delegado disse que a intenção é evitar confrontos, já que o ex-presidente está no sindicato cercado por apoiadores. Igor de Paula acrescentou que é remota a chance de a Polícia Federal entrar no sindicato para prender o ex-presidente.

STJ

Antes das 17h, o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Félix Fischer negou habeas corpus protocolado pela defesa do ex-presidente  para anular o decreto de prisão assinado pelo juiz federal Sérgio Moro.

Na decisão na qual decretou a prisão, Moro explicou que Lula não ficará em uma cela “em atenção à dignidade cargo que ocupou”. De acordo com o juiz, o ex-presidente deve ficar separado dos demais presos para “preservar sua integridade física e moral”.

A prisão de Lula foi decretada com base no entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), fixado em 2016, que autorizou a execução provisória da pena de condenados pela segunda instância da Justiça. Na quarta-feira (4), a defesa do ex-presidente tentou reverter o entendimento, mas, por 6 votos a 5, a Corte negou um habeas corpus preventivo para evitar a prisão.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
17/01/2019 - 14:45  Fux suspende investigação sobre movimentações de Queiroz
16/01/2019 - 10:40  Diretor da Sanesul vai para Detran e ex-secretário de Zauith assume estatal
16/01/2019 - 09:47  Ministério do Meio Ambiente suspende convênios e parcerias com ONGs por três meses
16/01/2019 - 09:11  Governo estuda sistema de pontos na transição da reforma da Previdência
16/01/2019 - 09:09  Ameaça derruba dirigente e abre espaço para senadora presidir PSL
16/01/2019 - 09:09  Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
16/01/2019 - 09:02  Reinaldo critica PSDB e diz que partido errou em aliar-se ao governo Temer
15/01/2019 - 14:27  Bolsonaro assina decreto que facilita posse de armas
11/01/2019 - 08:30  Bolsonaro defende mudanças na legislação para combater a violência
11/01/2019 - 08:14  Governo vai criar PDV e nem todos comissionados demitidos voltarão
10/01/2019 - 14:29  Decreto de posse de armas pode sair nesta sexta, diz Doria após reunião com Bolsonaro
10/01/2019 - 14:22  MEC abre sindicância para investigar mudanças em livros didáticos
10/01/2019 - 14:19  Planalto divulga retrato oficial de Jair Bolsonaro como presidente
10/01/2019 - 14:13  Plano de demissão voluntária será apresentado em fevereiro
10/01/2019 - 08:57  Em dez dias, governo Bolsonaro coleciona recuos, desencontros e medidas polêmicas
09/01/2019 - 14:23  Presidente diz que Brasil jamais se recusará a ajudar imigrantes
09/01/2019 - 10:40  Bolsonaro alega risco e determina que PF amplie segurança de Moro
09/01/2019 - 10:37  Governo Bolsonaro ordena paralisar a reforma agrária no país
08/01/2019 - 15:43  Fechamento de escolas é resultado da redução de alunos, diz Azambuja
08/01/2019 - 15:15  Máfia do Cigarro cooptou serviço reservado e manipulava escala da PM
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE