PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 10 de Abril de 2018 - 14:31
Servidores protocolam documento pedindo solução para encerrar greve



 
 

Servidores administrativos da Educação fizeram um protesto há pouco em frente a Secretaria de Estado de Educação (SED) e da Governadoria, no Parque dos Poderes, em Campo Grande. O grupo liderado pela Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul (Fetems) também protocolou documento pedindo a solução administrativa para o fim da greve da categoria, que começou hoje.

A paralisação atinge principalmente as áreas de limpeza e conservação, merenda e atendimento nas secretarias das escolas. “Acredito que a longo prazo a situação ficará complicada, sem limpeza, merenda e os serviços da secretaria. Mas neste primeiro dia a escola funcionou normalmente”, afirmou o diretor de uma unidade localizad próxima ao centro da Capital. 

O presidente da Fetemes, Jaime Teixeira, afirma que 70% dos 6 mil servidores administrativos estão paralisados e que o movimento deve seguir até o dia 30 de abril. “Queremos a incorporação do abono de R$ 200 para a categoria. Hoje o inicial deles é de R$ 854, menos que o salário mínimo que é de R$ 954. O governador tem até 30 de junho para incorporar, e queremos que seja feito”.

O grupo de aproximadamente 600 pessoas fez caminhada pacífica entre a SED e a Governadoria. O prédio que é a sede do governo foi cercado por policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e alguns oficiais estavam armados.

Para o período da tarde, a Fetems não divulgou se haverá outras manifestações.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
18/01/2019 - 11:48  Mais de 112 mil candidatos zeraram a redação do Enem; 55 tiraram nota máxim
18/01/2019 - 10:29  Marciano, cantor sertanejo, morre aos 67 anos
18/01/2019 - 10:04  Secretaria faz entrega de brinquedos pedagógicos para atendimento psicológico.
17/01/2019 - 16:35  Para ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil
17/01/2019 - 14:52  Multa mínima para quem capturar Dourado em rios será de R$ 2,7 mil
17/01/2019 - 14:43  Técnicos substituirão professores a partir do dia 18 de fevereiro
17/01/2019 - 14:13  Como as empresas de tecnologia podem lucrar com suas fotos no #10YearsChallenge
17/01/2019 - 14:12  Prazo de inscrição para processo seletivo da Força Nacional termina amanhã
17/01/2019 - 14:09  Família da ministra Tereza Cristina tem conflito histórico com índios em MS
17/01/2019 - 09:05  Secretaria de Educação Informa que matriculas para ano letivo de 2019 estão abertas.
17/01/2019 - 08:34  Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017
17/01/2019 - 08:33  Mais de 6,4 mil microempresas devem R$ 136 milhões à Receita
17/01/2019 - 08:27  Em 15 dias, cidade de MS lidera ranking de queimadas no Brasil
17/01/2019 - 08:22  Depois de decreto, dobra número de procura por armas em lojas
16/01/2019 - 11:10  Depois de fechar escolas, Estado agora faz corte de professores
16/01/2019 - 10:20  Em um ano, dobra emissão de porte de arma em Mato Grosso do Sul
16/01/2019 - 09:37  Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
16/01/2019 - 08:29  Depois de fechar escolas, Estado agora faz corte de professores
15/01/2019 - 15:18  Obra sem fim, até remover pichação em titânio vira problemão no Aquário.
15/01/2019 - 15:14  MS tem o 2º maior número de terras com as demarcações em risco
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE