PUBLICIDADE
Economia
Noticia de: 15 de Maio de 2018 - 15:06
Pão francês vai ficar 10% mais caro em Mato Grosso do Sul



 
 

Pão francês vai ficar 10% mais caro em Mato Grosso do Sul

 
 

O pão francês comercializado em Mato Grosso do Sul vai ficar 10%  mais caro. Esse aumento ocorre em decorrência da alta do dólar registrada nas últimas semanas e da seca na Argentina. A informação faz parte de um levantamento do Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria do Estado (Sindepan/MS) junto às principais padarias de MS.

Conforme a pesquisa, o quilo vai sair de uma média de R$ 12,50 para R$ 13,75. O repasse deve ocorrer a partir de julho porque os moinhos que fornecem a farinha para as empresas do Estado estão com um bom estoque de trigo.

De acordo com o presidente do Sindepan/MS, Marcelo Novaes, essa majoração é motivo de preocupação para o segmento. “Com a crise, já estamos trabalhando com um preço elevado e muitas empresas tiveram de fechar as portas, principalmente porque os preços estão em descompasso com a situação econômica que estamos vivendo e isso faz com que os clientes procurem valores mais baixos”, declarou.

Ainda segundo ele, a Argentina, principal fornecedora de trigo para o Brasil, está sem disponibilidade para atender a total demanda dos moinhos brasileiros e isso começa a impactar no mercado interno a partir de julho.

“A Argentina passa pela pior seca dos últimos 40 anos e isso acabou influenciando nos preços do trigo”, explicou ele, acrescentando que a alta do dólar também interfere nos custos de produção e, consequentemente, nos valores repassados aos consumidores.

Além deste fator, segundo Novaes, tem a alta do dólar. “A elevada cotação da moeda americana, que vem ocorrendo ultimamente, com alta acumulada de 10,97%, é mais um fator que irá concorrer para o aumento do preço final do pão francês”, completou.

Novaes alertou ainda sobre o aumento em outros insumos como óleo, açúcar, fermento e embalagens que deverão ser repassados em breve por aquelas empresas que trabalham com confeitaria.

(*) Com assessoria 

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
16/01/2019 - 08:30  Soja rende mais de R$ 12 bilhões para produtores do Estado
14/01/2019 - 15:09  Receita abre consulta a restituição do Imposto de Renda de 2008 a 2018
14/01/2019 - 08:25  Com “ameaça” de Guedes ao Sistema S, cooperativas defendem instituições
11/01/2019 - 11:06  O bilionário negócio do cigarro eletrônico toma conta
11/01/2019 - 08:16  Setor reage e exportações de carne bovina superam R$ 2 bilhões
10/01/2019 - 08:24  MS tem 12 cidades entre as 100 mais ricas do agronegócio
09/01/2019 - 14:23  Endividamento das famílias cai em dezembro, revela pesquisa
08/01/2019 - 08:47  Produção industrial sobe 0,1% em novembro ante outubro, aponta IBGE
08/01/2019 - 08:21  MS mantém crescimento econômico e pode superar índice de 2014
08/01/2019 - 08:11  MS exportou R$ 5,8 bilhões em 2018; soja e celulose se destacam
07/01/2019 - 09:24  Dólar recua e chega a operar abaixo de R$ 3,70
07/01/2019 - 09:07  Janeiro é mês de muitas despesas, saiba como economizar
04/01/2019 - 10:47  Petrobras reduz pelo 2º dia seguido preço da gasolina nas refinarias
04/01/2019 - 10:44  Lei Kandir pode render repasse de R$ 1,95 bilhão a estados e municípios
04/01/2019 - 08:50  Pedidos de falência nas empresas mais que dobram em 2018
03/01/2019 - 10:05  Secretário da Receita quer Imposto de Renda mais alto para ricos
27/12/2018 - 09:42  Brasileiros planejam gastar em média R$ 290 com as festas de Ano Novo, diz SPC
27/12/2018 - 07:56  Governo prorroga prazo para renovar incentivos fiscais em 60 dias
17/12/2018 - 13:55  Contribuintes recebem hoje restituições do último lote do IRPF
13/12/2018 - 09:33  Contribuinte já pode ir até agências fazendárias negociar dívida de ICMS
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE