PUBLICIDADE
Economia
Noticia de: 27 de Agosto de 2018 - 09:17
População já pagou R$ 703 milhões em impostos em Campo Grande



 
 

 
 

O total de impostos pagos pelos campo-grandenses, somente neste ano, atingiu R$ 703,916 milhões ontem, um aumento de 10,1% em relação à arrecadação registrada no mesmo período do ano passado, que na mesma data estava estimada em R$ 639,020 milhões. Em 2017, os impostos da Capital só chegaram à marca de R$ 700 milhões no dia 20 de setembro. Os dados são do Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), sistema que estima quanto de tributo foi pago aos governos federal, estaduais e municipais. Ainda de acordo com a ACSP, os impostos pagos em Mato Grosso do Sul, até o mesmo período, já totalizaram R$ 15,133 bilhões, alta de 11% em relação ao ano anterior (R$ 13,623 bilhões).

O contador e conselheiro da Associação Comercial de Campo Grande, Gilberto Felix, explica quais os principais motivos que acarretaram o aumento dos impostos pagos pelos contribuintes em 2018. “São três fatores que contribuíram: aumento das contribuições dos impostos PIS e Cofins sobre combustíveis, além do próprio aumento de preços dos combustíveis, e ainda os programas de regularização tributários”, explica o especialista. “Por conta desses programas, muitos inadimplentes com contras atrasadas quitaram seus débitos, o que significa um incremento na arrecadação”.

CONTRAPARTIDA

Apesar do aumento dos impostos pagos, a sociedade ainda não recebe as contrapartidas que têm por direito. Para Felix, é necessário conscientizar a população sobre o tema. “A gente tem uma situação bem controversa, porque não temos serviços públicos de qualidade compatíveis com a arrecadação”, avalia. “No geral, as pessoas são pouco ou mal informadas em relação à carga tributária. Acreditam que o assunto não gera impacto direto em suas vidas. Falta conscientização, para não acreditarem em promessas que são impossíveis de serem cumpridas, especialmente em tempos de eleições”, pontua o contador.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
08/02/2019 - 08:26  Abates de bovinos crescem 3% e vendas rendem R$ 2 bilhões a MS
07/02/2019 - 09:36  Celulose segura balança e MS tem superavit de US$ 163 milhões
04/02/2019 - 09:36  A R$ 3,32, etanol no Estado está 19% mais caro do que média nacional
31/01/2019 - 08:29  Safra de cana terá avanço de 6% este ano no Estado
28/01/2019 - 09:04  Algodão deve render 10% a mais em MS
16/01/2019 - 08:30  Soja rende mais de R$ 12 bilhões para produtores do Estado
14/01/2019 - 15:09  Receita abre consulta a restituição do Imposto de Renda de 2008 a 2018
14/01/2019 - 08:25  Com “ameaça” de Guedes ao Sistema S, cooperativas defendem instituições
11/01/2019 - 11:06  O bilionário negócio do cigarro eletrônico toma conta
11/01/2019 - 08:16  Setor reage e exportações de carne bovina superam R$ 2 bilhões
10/01/2019 - 08:24  MS tem 12 cidades entre as 100 mais ricas do agronegócio
09/01/2019 - 14:23  Endividamento das famílias cai em dezembro, revela pesquisa
08/01/2019 - 08:47  Produção industrial sobe 0,1% em novembro ante outubro, aponta IBGE
08/01/2019 - 08:21  MS mantém crescimento econômico e pode superar índice de 2014
08/01/2019 - 08:11  MS exportou R$ 5,8 bilhões em 2018; soja e celulose se destacam
07/01/2019 - 09:24  Dólar recua e chega a operar abaixo de R$ 3,70
07/01/2019 - 09:07  Janeiro é mês de muitas despesas, saiba como economizar
04/01/2019 - 10:47  Petrobras reduz pelo 2º dia seguido preço da gasolina nas refinarias
04/01/2019 - 10:44  Lei Kandir pode render repasse de R$ 1,95 bilhão a estados e municípios
04/01/2019 - 08:50  Pedidos de falência nas empresas mais que dobram em 2018
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE