PUBLICIDADE
Política
Noticia de: 02 de Outubro de 2018 - 12:18
Consulte seu local de votação e aprenda a sequência nas urnas eletrônicas



 
 

Consulte seu local de votação e aprenda a sequência nas urnas eletrônicas

 
 

A poucos dias das eleições e muitos eleitores ainda estão em dúvida quanto aos procedimentos para a votação. Dentre as principais, a do local. A boa notícia é que a consulta pode ser feita por meio do site do Tribunal Superior Eleitoral, com o título de eleitor em mãos.

E quem esqueceu o registro do documento, pode fazer a consulta preenchendo o nome, nome da mãe e data de nascimento. O sistema vai apresentar o número do título, seção, zona, endereço e município.

Confira seu local de votação clicando aqui: http://www.tse.jus.br/

A SEQUÊNCIA

Para os eleitores que ainda estão na dúvida da sequência de votação que será utilizada nas urnas no próximo domingo (7), a ordem para este ano é a seguinte: deputado federal, deputado estadual ou distrital, senador 1, senador 2, governador e, por último, presidente.

A escolha da sequência é feita estrategicamente para que eleitor não deixe de computar os demais votos que ficam por último, já que as maiores relevâncias estão nos cargos executivos.

A escolha que determina a ordem da votação em que se inicia com votos na proporcional, na urna eletrônica, se deve ao receio de o eleitor não continuar o processo e deixar de concluir as demais escolhas. Por esse motivo, as majoritárias não são colocadas nos primeiros lugares, na sequência.

Isso porque se o eleitor confirmar um voto e deixar de concluir os demais, os não computados serão considerados nulos. Esse procedimento é necessário para que a urna seja habilitada para o próximo eleitor.

Essa sequência que será implantada nas eleições deste ano esteve em vigor nas eleições de 1998, 2002 e 2006.

OUTRA MUDANÇA

Nessas eleições, a escolha para as duas vagas ao cargo de senador deverão ser feitas distintamente, ou seja, o eleitor deverá votar em dois candidatos diferentes, se votar no mesmo candidato duas vezes, o segundo voto será anulado. Em cada estado serão eleitos os dois candidatos mais votados.  

Os senadores têm mandato com duração de oito anos, sendo o único cargo no Brasil que ocorre desta maneira. Se o eleitor votar em apenas um candidato ao Senado por duas vezes, o segundo voto será anulado.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
13/02/2019 - 11:35  Câmara de Dois Irmãos do Buriti realiza 2ª sessão com posse de novo Vereador.
11/02/2019 - 10:17  Presidente da Câmara da boa vinda ao suplente Higor Caxias.
11/02/2019 - 07:30  Azambuja vai apoiar reeleição de Marcos Trad para prefeito
07/02/2019 - 09:26  Lídio Lopes é eleito presidente da Comissão de Justiça
06/02/2019 - 15:49  Lula é condenado em ação da Lava Jato sobre sítio de Atibaia
06/02/2019 - 15:08  Energisa terá que se explicar aos deputados na semana que vem
06/02/2019 - 12:56  Câmara de Dois Irmãos do Buriti realiza primeira sessão de 2019.
05/02/2019 - 11:17  Câmara de Vereadores de Dois Irmãos do Buriti volta aos trabalhos hoje.
04/02/2019 - 10:33  Câmara de Vereadores de Dois Irmãos do Buriti volta do recesso Legislativo amanhã.
04/02/2019 - 08:32  Comitiva política de Dois Irmãos participa da Posse de novos Deputados Estaduais.
31/01/2019 - 09:16  Como a escolha do presidente da Câmara pode influenciar o governo Bolsonaro
28/01/2019 - 14:29  Vereadores participam de reunião com representante da ENERGISA.
25/01/2019 - 10:00  Foragido da justiça rouba comércios e é morto em confronto com a PM
25/01/2019 - 09:43  Azambuja tenta elevar nota de MS para captar R$ 155 milhões
25/01/2019 - 09:25  Beto Richa é preso de novo em desdobramento da Lava Jato no Paraná
25/01/2019 - 09:10  Governador solicita estadualização de 145 quilômetros da BR-158
25/01/2019 - 09:10  Senadora eleita é chamada de tirana por derrubar presidente de partido
24/01/2019 - 10:41  Assomasul irá buscar recurso do ISS de cartão de crédito e royalties de petróleo
17/01/2019 - 14:45  Fux suspende investigação sobre movimentações de Queiroz
16/01/2019 - 10:40  Diretor da Sanesul vai para Detran e ex-secretário de Zauith assume estatal
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE