PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 06 de Novembro de 2018 - 10:36
Comissão de Direitos Humanos da OEA visita aldeias de MS nesta 4ª



 
 

Acampamento Ñu Verá, em Dourados (Foto: Google Earth/Divulgação MPF).

 
 

No Brasil até 12 de novembro, a Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA (Organização dos Estados Americanos) visita Mato Grosso do Sul na quarta-feira (dia 7). A informação é da assessoria de comunicação do Ministério dos Direitos Humanos.

Está prevista a ida de integrantes do grupo a Reserva Indígena de Dourados, 233 km de Campo Grande. A equipe também vai a Guyraroká e Te´yikue, localizadas em Caarapó, 283 km da Capital. Ambos municípios fazem parte da faixa de fronteira do País com o Paraguai.

Não há detalhes sobre horários, nem como será a visita e local de partida. Segundo o Ministério dos Direitos Humanos, a PF (Polícia Federal) acompanhará o grupo até às comunidades indígenas. Da Comissão Interamericana, está prevista a vinda de Antonia Urrejola Noguera para o Estado.

A reportagem apurou que a comissão também vai se reunir com integrantes do MPF/MS (Ministério Público Federal de Mato Grosso do Sul) ainda nesta terça-feira (dia 6), sem horário divulgado.

A equipe da Comissão Interamericana, comandada por Margarette May Macaulay, chegou ao Brasil ontem com o objetivo de visitar oito estados brasileiros. A intenção é verificar temas relacionados aos direitos humanos e dados relacionados a casos objetos de investigações.

As áreas indígenas, especialmente as de Mato Grosso do Sul, são alvos de intensos conflitos ao longo do tempo. Vulnerável, a população indígena também enfrenta condições precárias de vida no Estado, que possui o segundo maior grupo de índios no Brasil.

Ontem, integrantes da comissão se reuniram com a procuradora-geral da República, Raquel Dodge. Segundo a Procuradoria, foram discutidos mecanismos que podem viabilizar atuação conjunta no que diz respeito à proteção dos direitos humanos no continente americano.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
23/08/2019 - 10:34  Fogo já consome regiões exploradas pelo turismo em MS e reserva kadiwéu
23/08/2019 - 10:26  Tempo seco será desafio extra no Rally dos Sertões, apostam pilotos
23/08/2019 - 10:26  Megapartido pode ter ministros, governador e prefeito da Capital
23/08/2019 - 10:01  Desde 2018, MS já teve 81 suspeitas de sarampo e ainda investiga 9 casos
23/08/2019 - 09:12  Temporal com vento forte e chuva de granizo causa estragos na fronteira
22/08/2019 - 09:17  Em dias de tempo seco, Bombeiros alertam: queimada é crime
22/08/2019 - 09:06  Magnitude do Aquário do Pantanal vai muito além da estrutura física
22/08/2019 - 09:01  Reinaldo Azambuja recebe homenagem e destaca importância do Poder Legislativo
22/08/2019 - 08:59  Senado aprova MP da Liberdade Econômica sem previsão de trabalho aos domingos
22/08/2019 - 08:54  Detran pede rescisão de contrato com empresa responsável por radares
22/08/2019 - 08:48  Entre celebridades, Caio Castro vem a Campo Grande para Rally dos Sertões
22/08/2019 - 08:47  Falha no sistema prejudicou 3 mil atendimentos em MS, admite Detran
21/08/2019 - 11:54  A 3 dias de competição, Rally dos Sertões muda visual na região central
21/08/2019 - 11:53  Mega-Sena pode pagar até R$ 31 mi nesta quarta
21/08/2019 - 11:42  Carretas batem de frente e deixam um morto na BR-163
21/08/2019 - 10:22  Homem é encontrado morto um dia após sair para caminhada
21/08/2019 - 10:19  Após ataques, polícia reforça a segurança no Jardim Carioca
21/08/2019 - 10:12  Governo perde metade da receita do ICMS do gás natural
21/08/2019 - 09:31  26° Sessão Ordinária na Câmara Municipal de Dois Irmãos do Buriti
21/08/2019 - 09:29  Reinaldo Azambuja participa de reunião do Corredor Bioceânico e recebe homenagem da Câmara
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE