PUBLICIDADE
Policial
Noticia de: 29 de Novembro de 2018 - 08:59
Após perseguição e troca de tiros com a PRF, contrabandista de cigarro morr



 
 

Contrabandista de cigarro que não teve o nome revelado morreu em confronto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) no final da tarde de ontem, na rodovia BR-262, em Aquidauana. Após abordagem, o homem tentou fugir e trocou tiros com os agentes. Ele foi baleado na perna e no peito do lado esquerdo, chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

De acordo com nota divulgada pela assessoria de imprensa da PRF, a equipe policial avistou duas carretas trafegando juntas em alta velocidade e tentou abordá-las. Na altura do quilômetro 510 da BR, um dos veículos parou e o motorista se entregou, mas o outro desobedeceu a ordem e fugiu. 

O suspeito conduzia o bitrem lotado de cigarro, de forma agressiva, expondo os demais usuários da via em risco, conforme relatado pelos policiais. Ele dirigia pela contramão, na iminência de causar uma colisão frontal, como também forçando os veículos a seguirem pelo acostamento e até mesmo pararem ou saírem de pista.

Os PRFs chegaram a parear a viatura três vezes ordenando que o homem parasse a carreta, mas foram ignorados. Na terceira vez, o condutor realizou de dentro da cabine um disparo contra a viatura, afim de evitar aproximação da equipe. "Diante da agressão e do risco de um grave acidente, os PRFs realizaram disparos contra os pneus da carreta, o que obrigou o motorista a parar", lê-se na nota da PRF.

"O homem parou sobre a pista de rolamento e logo que desceu do veículo efetuou vários disparos contra a equipe que reagiu revidando os tiros", informa a corporação. Baleado, foi socorrido pelos policiais, no entanto, não sobreviveu aos ferimentos e faleceu minutos depois no Hospital Regional de Aquidauana.

Nenhum dos policiais ficou ferido na ocorrência. "Cabe salientar que os PRFs tentaram de todas as formas evitar um mal maior, conforme doutrina da Corporação, agiram com o uso progressivo da força até o momento em que foram expostos com a própria vida, sendo obrigados a agirem com o uso progressivo da força e em estrito cumprimento do dever legal".
 

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
07/12/2018 - 08:55  Acidentes nas rodovias federais mataram 162 pessoas em MS
06/12/2018 - 14:20  Identificado suspeito que morreu em troca de tiros com a polícia
06/12/2018 - 10:35  Espancada por colegas de escola, criança morre 7 dias depois em hospital
06/12/2018 - 09:48  Matança continua na fronteira: ferido a tiros, homem morre no hospital
06/12/2018 - 09:08  Homem foi morto em confronto, depois de atirar em vítima que havia roubado
06/12/2018 - 07:51  Blazer usada em atentado a sobrinho de traficante é achada queimada
06/12/2018 - 07:50  Golpista é presa no Carandá em mais um desdobramento da Ouro de Ofir
06/12/2018 - 07:46  Ação que prendeu vereadores investiga pagamento de propina por empresas
04/12/2018 - 09:15  Família de MS preparava carro para levar munições e armas ao RJ
04/12/2018 - 09:15  Dois pistoleiros brasileiros são presos por morte de paraguaia na fronteira
04/12/2018 - 09:04  Polícia apreende duas malas com 30 tabletes de supermaconha em Uno
03/12/2018 - 13:07  Fim de ano: reforço policial terá 1,4 mil policiais e helicóptero
03/12/2018 - 13:07  Megaoperação contra tráfico de armas e munições prende dois no Estado
30/11/2018 - 10:22  Diretor do HR é preso e gerente levado para prestar depoimento no Gaeco
30/11/2018 - 09:00  Suspeitos que agrediram até criança em roubo morrem em confronto com a PM
29/11/2018 - 15:57  Polícia Militar em Dois Irmãos apreende mais de 2 mil pacotes de cigarros contrabandeados
29/11/2018 - 15:53  Aviões saíam de MS para buscar na Bolívia cocaína com destino à Europa
29/11/2018 - 15:52  Depois de tentativa de fuga, PRF apreende cerca de 1,2 tonelada de maconha
29/11/2018 - 09:01  Filho de prefeita é preso em flagrante por violência doméstica
29/11/2018 - 08:53  URGENTE: PF cumpre mandados da Operação Planum na Capital e no interior
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE