PUBLICIDADE
Policial
Noticia de: 13 de Dezembro de 2018 - 09:06
Em nova fase de operação, PF mira desvio de R$ 13 mi no Ministério do Trabalho



 
 

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (13) a quinta fase da Operação Registro Espúrio, que apura suposto esquema de desvio de recursos no Ministério do Trabalho.

Na nova etapa, os policiais cumprem 14 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília, Goiânia, Anápolis e Londrina.

Os agentes recolhem material na sede do ministério, em Brasília. Um dos alvos da operação é a advogada Julianna Machado Arantes Moretto, sobrinha do deputado Jovair Arantes (PTB-GO) e irmã do ex-secretário da pasta Leonardo Arantes. Os dois já são investigados na Registro Espúrio.

Investiga-se o desvio de valores da Conta Especial Emprego e Salário (CEES) para sindicatos e federações, por meio de pedidos fraudulentos de restituição de contribuição sindical.

O consultor jurídico do ministério, Ricardo Santos Silva Leite, suspeito de envolvimento nos crimes em apuração, foi afastado do cargo pelo Supremo.

Outro alvo das buscas é o ex-superintendente da pasta no Distrito Federal Maurício Moreira da Costa Júnior.

Outros investigados são advogados, servidores públicos e pessoas ligadas ao Sindicato dos Trabalhadores na Indústria e Distribuição de Cerveja, Sucos e Bebidas no Estado de Goiás (Sindibebidas-GO).

Segundo a PF, após análise e cruzamento de dados, constatou-se que a "organização criminosa desviou pelo menos  R$ 12,9 milhões da conta".

O inquérito sobre o caso diz que o grupo investigado arregimentava entidades interessadas na obtenção fraudulenta de restituições de contribuição sindical supostamente recolhidas indevidamente ou a maior na conta.

Os pedidos, então, seriam manipulados, com o reconhecimento indevido do direito ao crédito.

Os valores, sustenta a PF, eram transferidos da para a conta da entidade interessada, com posterior repasse de um percentual para os servidores públicos e advogados integrantes do esquema.

Os crimes sob investigação são de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e falsificação de documento público.

Em outras fases, a Registro Espúrio mirou o envolvimento de políticos ligados ao PTB e ao Solidariedade em  corrupção no ministério.

A reportagem ainda não conseguiu contato com os investigados ou seus representantes.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
20/03/2019 - 10:44  Pai e madrasta, lutadores de MMA que mataram bebê de 1 ano vão a júri em MS
20/03/2019 - 10:27  Preso da Capital é apontado como liderança do PCC de Minas
19/03/2019 - 11:46  Homem achado morto com mãos amarradas é a 4ª vítima do dia na Capital
19/03/2019 - 11:10  Quatro são presos suspeitos de estupro coletivo em aldeia de Aquidauana
19/03/2019 - 09:30  Brasileira estuprada por policiais em prisão na Bolívia é transferida
15/03/2019 - 11:16  Marido bate em grávida porque mulher pediu para ele lavar louça
15/03/2019 - 11:09  Jovem saca revólver no meio da rua no centro de Campo Grande, assusta populares e acaba preso
15/03/2019 - 10:53  Um dos 10 mais procurados pela Polícia Federal do Brasil é preso na Bolívia
15/03/2019 - 10:42  Idoso é amarrado e trancado dentro de quarto durante assalto em Anastácio
15/03/2019 - 10:35  Banco de Aquidauana foi um dos alvos de quadrilha desarticulada pelo Garras
12/03/2019 - 11:23  Corpo de jovem goiana morta a tiros em MS chega a Anápolis para ser velado e enterrado
12/03/2019 - 11:14  'Ela sensualizou e isso o teria deixado magoado', diz defesa de preso por matar namorada ...
12/03/2019 - 11:00  Deficiente auditivo é preso por tráfico de drogas em Três Rios
12/03/2019 - 10:50  Polícia prende no Rio dois suspeitos de matar Marielle Franco
12/03/2019 - 10:01  Justiça determina que melhor lugar para ‘Maníaco da Cruz’ é o presídio
22/02/2019 - 10:08  Polícia Militar em Anastácio resgata mulher mantida em ‘Cárcere Privado’ pelo marido
18/02/2019 - 15:21  Homem é preso pela Polícia Militar em Dois Irmãos do Burití, após praticar Direção Perigosa em ...
18/02/2019 - 15:21  Policial preso por porte ilegal de arma será afastado, garante secretaria
18/02/2019 - 15:00  Defesa vai alegar doença mental para livrar mais uma vez ex-PM da cadeia
18/02/2019 - 09:43  Adolescente de 16 anos se tranca em quarto e mata filha de 21 dias sufocada
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE