PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 08 de Janeiro de 2019 - 09:08
Moro enviará mais homens da Força Nacional ao Ceará



 
 

O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), comandado por Sérgio Moro, decidiu enviar reforço da Força Nacional para atuar na repressão à onda de crimes no Ceará. Já havia 330 homens atuando no local desde a noite do sábado, 5, e o número será ampliado para 406, além de um total de 96 viaturas.

A decisão de enviar reforço foi tomada no mesmo dia em que o ministério ressaltou uma queda no número de ataques após o início do trabalho da Força Nacional. Foram registrados 45 ações criminosas na quinta-feira, 37 no sábado e 23 no domingo. Houve, no entanto, casos graves como a destruição da base de uma operadora de telefonia móvel na cidade de Limoeiro do Norte, interrompendo o serviço em onze cidades no Estado.

Força Nacional está no Estado desde sábado© José Cruz/Agência Brasil Força Nacional está no Estado desde sábado

Pelos dados do MJSP, houve 144 ataques entre a quarta-feira, 2, e o domingo, 6, na capital Fortaleza, na região metropolitana e no interior do Estado. Números da segunda-feira não foram informados pelo ministério, mas o governo estadual registrava pelo menos 21 ataques até o meio da tarde.

Segundo o secretário estadual de Segurança Pública, André Costa, 150 pessoas já foram detidas e 250 presos foram autuados por novas infrações.

Nas ruas, a Polícia Militar comanda as operações, e a Força Nacional tem dado apoio. Dentro dos presídios, a Polícia Civil tem atuado junto com a administração penitenciária, com o reforço da inteligência do Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

Já houve a autorização de transferência de um preso integrante de facção criminosa para uma penitenciária federal de segurança máxima. Outras devem ser autorizadas nos próximos dias. Inicialmente, foram disponibilizadas 20 vagas pelo Depen, mas, se houver necessidade, o número pode ser ampliado.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
22/03/2019 - 12:19  Após fortes chuvas, Rio Aquidauana atinge quase 7 metros
22/03/2019 - 11:21  Raio mata 21 cabeças de gado no pasto em Aparecida do Taboado
22/03/2019 - 11:15  Em MS, políticos comentam prisão de Temer
22/03/2019 - 09:47  Protesto contra a reforma do Governo Bolsonaro
21/03/2019 - 12:21  Força-tarefa da Lava Jato prende Michel Temer
21/03/2019 - 11:18  Outono começa com período chuvoso e frente fria em Mato Grosso do Sul
21/03/2019 - 10:58  Ministra de MS cai nas graças de Trump durante negociações
20/03/2019 - 12:55  Operação identifica líderes de facção que tinham 12 policiais como alvo
20/03/2019 - 11:45   Enchente aumenta na fronteira e homem desaparece no Rio Paraguai
20/03/2019 - 11:28  Homem é preso por estuprar e engravidar menina de 11 anos
20/03/2019 - 11:18  A cada 60 minutos, uma criança ou adolescente morre por arma de fogo
20/03/2019 - 10:49  CUIDADO: Boneca Momo aparece em vídeos de slime para crianças com desafios de suicídio
20/03/2019 - 10:19  STJ mantém efeitos de liminar que revogou prisão de Puccinelli
19/03/2019 - 11:36  Falta saneamento básico para 2 bilhões de pessoas no mundo, diz ONU
19/03/2019 - 10:33  Brasil e EUA assinam acordo que permite uso comercial de Alcântara
19/03/2019 - 10:11  Obra do Reviva pode ter aditivo milionário
18/03/2019 - 15:46  MS dobrará exportações de produtos por hidrovia
18/03/2019 - 15:44  PDV pode ser encaminhado amanhã para Assembleia
18/03/2019 - 12:31  Eder Aguiar, Presidente Vereador da Câmara Municipal, visita o Secretário da AGRAER.
18/03/2019 - 10:35  Mais de 80% dos turistas aprovam atrativos, gastronomia e segurança pública de MS
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE