PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 08 de Janeiro de 2019 - 09:14
Mais Médicos: Profissionais brasileiros têm até quinta para se apresentar



 
 

Médicos formados no Brasil que se inscreveram no Programa Mais Médicos deverão se apresentar nos municípios onde irão atuar desta segunda-feira (7) até a próxima quinta (10). De acordo com o Ministério da Saúde, 1.707 profissionais com CRM já escolheram as localidades.

Após esta data, a pasta vai realizar um balanço das vagas remanescentes que serão novamente disponibilizadas a outros profissionais. A previsão é que a lista de médicos brasileiros homologados que deram início às atividades seja publicada no próximo dia 14.

No fim do mês, entre os dia 23 e 24 de janeiro, acontece outra chamada para o programa exclusiva para profissionais brasileiros formados no exterior. Em seguida, no dias 30 e 31 de janeiro, os médicos estrangeiros terão acesso ao sistema para optarem pelas localidades com vagas ainda em aberto.

Saída dos cubanos

Após o fim do contrato com Cuba, em novembro, o Ministério da Saúde lançou editais para a substituição de 8.517 cubanos que atuavam em 2.824 municípios e 34 distritos sanitários especiais indígenas (DSEI).

Inicialmente, concorreram apenas médicos brasileiros com registro no País. Segundo o Ministério, 29% dos postos não foram preenchidos após o término do primeiro prazo de apresentação, que ocorreu no dia 18 de dezembro.

De acordo com o novo ministro, o médico Luiz Henrique Mandetta, o programa deverá ser revisado. Para ele a afirmação de que faltam profissionais no Brasil é falsa.

Segundo ele, o país conta com aproximadamente 320 faculdades de medicina e 26 mil médicos graduados em 2018, com previsão de aumento desse contingente em 10% ao ano até chegar a 35 mil profissionais formados.

"Quem forma essa quantidade toda de profissionais? Muitos deles endividados pelo Fies [Fundo de Financiamento Estudantil] e muitos formados em escola pública. Não temos uma proposta ou política de indução para que eles venham para o sistema público de saúde", afirmou.

*Com informações da Agência Brasil.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
21/01/2019 - 11:23  A Secretaria Municipal de Educação divulga resultado de contratação de Professores.
21/01/2019 - 08:40  Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje
21/01/2019 - 08:28  Cheia do Pantanal pode ser menos rigorosa neste ano
21/01/2019 - 08:24  MS mantém contas equilibradas, enquanto 6 decretam calamidade
21/01/2019 - 08:24  MS amplia em 21% geração de energia de biomassa de cana
20/01/2019 - 09:24  Aldeia Buriti celebra 95ª Festa de São Sebastião.
18/01/2019 - 11:48  Mais de 112 mil candidatos zeraram a redação do Enem; 55 tiraram nota máxim
18/01/2019 - 10:29  Marciano, cantor sertanejo, morre aos 67 anos
18/01/2019 - 10:04  Secretaria faz entrega de brinquedos pedagógicos para atendimento psicológico.
17/01/2019 - 16:35  Para ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil
17/01/2019 - 14:52  Multa mínima para quem capturar Dourado em rios será de R$ 2,7 mil
17/01/2019 - 14:43  Técnicos substituirão professores a partir do dia 18 de fevereiro
17/01/2019 - 14:13  Como as empresas de tecnologia podem lucrar com suas fotos no #10YearsChallenge
17/01/2019 - 14:12  Prazo de inscrição para processo seletivo da Força Nacional termina amanhã
17/01/2019 - 14:09  Família da ministra Tereza Cristina tem conflito histórico com índios em MS
17/01/2019 - 09:05  Secretaria de Educação Informa que matriculas para ano letivo de 2019 estão abertas.
17/01/2019 - 08:34  Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017
17/01/2019 - 08:33  Mais de 6,4 mil microempresas devem R$ 136 milhões à Receita
17/01/2019 - 08:27  Em 15 dias, cidade de MS lidera ranking de queimadas no Brasil
17/01/2019 - 08:22  Depois de decreto, dobra número de procura por armas em lojas
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE