PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 17 de Abril de 2019 - 09:47
Peixaria é autuada por vender produto vencido há mais de um ano



 
 

 
 

Peixaria localizada na Rua Trindade, Vila Progresso, foi autuada por equipes de fiscalização da Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon), ontem (16), após receberem denúncia de consumidores. Após vistorias no local foram constatadas várias irregularidades. O estabelecimento estava com Alvará de Funcionamento e Localização vencido dede novembro do ano passado.

Segundo informações repassadas pelo Procon, entre os problemas registrados produtos expostos à venda com prazo de validade vencida, um dos quais há mais de um ano, outros com embalagens violadas ou, ainda, sem especificação ou informação de procedência, validade e peso.

A causa da denúncia foi a inexistência de informações sobre o peso dos produtos na placa de divulgação afixada na fachada da peixaria. À partir daí, a fiscalização do Procon Estadual desenvolveu a diligência constatando as outras irregularidades.

 Entre os produtos com validade expirada foram encontradas oito quilos de postas de cação, vencidos no dia dois deste mês; uma embalagem de banda de pacu sem espinha, pesando 490 gramas, vencido no dia 21 de março de 2 018. Ambos os produtos foram embalados pela própria empresa.

Com embalagens violadas, estavam expostos a venda postas de pintado, tentáculos de polvo e carcaça de peixes. Já, expostas à venda sem informação ou com informação ilegível foram encontrados tentáculos de polvo, bandas de pacu, lulas além de outros produtos como gergelim branco e gergelim preto.

Ainda conforme o Procon, todos os produtos impróprios para o consumo foram descartados na presença da fiscalização e de funcionários da peixaria, tendo sido expedido auto de infração e dado prazo para defesa dos responsáveis pelo estabelecimento comercial.

*Com informações da assessoria

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
16/07/2019 - 16:40  Eclipse parcial da Lua poderá ser visto a olho nu em MS
16/07/2019 - 13:27  Algumas ações do Presidente da Câmara Eder de Aguiar Viana
16/07/2019 - 12:10  Algumas ações do Prefeito Municipal Edilsom Zandona
16/07/2019 - 12:03  Clever perdeu duas casas em incêndios e precisa de ajuda para recomeçar
16/07/2019 - 11:48  Armageddon Etapa Campo Grande contou com recorde de público
16/07/2019 - 11:47  Geraldo Resende deixa Saúde para assumir posto em Brasília
16/07/2019 - 11:37  Leitura que liberta: presos usam tempo ocioso do cárcere para ler livros e diminuir pena
16/07/2019 - 11:37  Obras da Sanesul revolucionam cobertura de esgoto em Aquidauana
16/07/2019 - 10:44  Monitoramento de MS é um dos mais eficientes do País
16/07/2019 - 10:38  Em quatro anos, Governo promove ações e programas que garantem cidadania aos índios de MS
16/07/2019 - 10:34  Governador vistoria obra no lago do Parque das Nações Indígenas
16/07/2019 - 10:26  Eclipse lunar poderá ser visto de todo o Brasil na terça (16);
16/07/2019 - 10:25  Pedidos de aposentadoria disparam durante a reforma
16/07/2019 - 10:17  Durante bebedeira, idoso mata amigo com facada em MS
16/07/2019 - 10:12  Associação Médica denuncia uso de aplicativos na realização de consultas à distância
16/07/2019 - 10:04  Secretário de Saúde é exonerado para assumir mandato em Brasília por um dia
16/07/2019 - 09:53  Consórcio Guaicurus faturou R$ 464 mil por dia durante 2018, diz Agereg
16/07/2019 - 09:43  Polícia procura encapuzados que fizeram casal e criança de reféns
16/07/2019 - 09:30  Bandidos que invadiram agência da Caixa fugiram com mais de R$ 200 mil
16/07/2019 - 09:29  Em início de noite violenta, duas pessoas são assassinadas
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE