PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 21 de Maio de 2019 - 08:57
Integrante do PCC vai à júri nesta quinta-feira por esquartejamento



 
 

 
 

Um dos três acusados de matar e esquartejar Fernando do Nascimento dos Santos, em 2017, irá a júri nesta quinta-feira (23), em Campo Grande. Somente Danilo Richele da Silva Fernandes, de 19 anos, irá a julgamento por homicídio qualificado, pois Ueslei de Oliveira e Wellington Ferreira de Souza recorreram.

De acordo com o processo, os três acusados mataram Fernando no dia 16 de agosto de 2017. A vítima foi até a residência de Danilo para comprar drogas, momento em que foi questionado se pertencia a alguma facção criminosa, respondendo que fazia parte do Comando Vermelho (CV).

Então, uma discussão sobre as facções rivais começou no interior da casa e, em seguida, a vítima teria sido encarcerada no local e amarrada a uma cadeira. Ela teria sido, em diversos momentos, obrigada a pedir desculpas aos membros do Primeiro Comando da Capital (PCC). Ainda na madrugada do ocorrido, Fernando teria sido levado ao banheiro da casa e novamente amarrado a uma cadeira para que fosse morto.

Segundo a acusação, Danilo determinou que Wellington filmasse a ação e que Ueslei matasse a vítima, entregando-lhe uma arma branca. Ueslei iniciou o ato e, em seguida, Danilo tomou para si a faca e continuou até decapitar Fernando. Além disso, ambos teriam cortado outros membros.

Os acusados teriam também planejado ocultar o cadáver, uma vez que enrolaram as partes da vítima em uma coberta e, de prévio acordo, resolveram que Danilo, na companhia de um terceiro indivíduo não identificado, levassem a vítima dentro de um veículo até um local desabitado na Rua Engenheiro Paulo Frontim, no Bairro Los Angeles, na Capital.

Diante dos fatos, o juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida pronunciou os réus nos artigos 121 (homicídio qualificado, motivo torpe e meio cruel), artigo 148 (cárcere privado), artigo 211 (ocultação de cadáver) e artigo 288 (associação criminosa), combinado com o artigo 29, todos do Código Penal. Wellington não foi pronunciado em ocultação de cadáver, somente.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
25/06/2019 - 09:09  Polícia aplicou 434 multas durante operação no feriado de Corpus Christi
25/06/2019 - 09:08  Em fase difícil da vida, pedagoga desapega e doa cabelo para quem luta contra o câncer
25/06/2019 - 09:05  Bebê de sete meses morre e pais são presos por maus tratos em Campo Grande
25/06/2019 - 09:04  Brasil e Reino Unido vão ter cooperação em saúde pública
25/06/2019 - 09:03  Captação de leite cai em relação ao ano passado e preço tem alta de 9%
25/06/2019 - 09:01  Atuação das polícias e investimentos públicos reduzem criminalidade em 16,78% no Estado
25/06/2019 - 08:54  Em maior apreensão do ano, PRF descobre mais de 7 toneladas de maconha em carga de milho
25/06/2019 - 08:53  Resposta rápida da polícia foi fundamental para prisão de delegado
25/06/2019 - 08:46  Delegado de Aquidauana é preso suspeito de envolvimento em sumiço de cocaína
24/06/2019 - 11:55  Delegado titular é preso após sumiço de 100 kg de cocaína; 9 já foram detidos
24/06/2019 - 11:53  Enquanto se discute a água, flutuação lidera visitas em Bonito
24/06/2019 - 11:52  Rombo da previdência estadual aumentará 50% no próximo ano
24/06/2019 - 11:51  Sabia que você ouve com o cérebro e não com os ouvidos?
24/06/2019 - 11:08  1° Campanha do Agasalho no Distrito de Palmeiras
24/06/2019 - 10:08  Traficante foge por milharal e abandona meia tonelada de maconha
24/06/2019 - 10:05  Trump diz que pode começar "grande deportação" em duas semanas
24/06/2019 - 09:59  Baleado pelo pai, jovem foge da Santa Casa com bala alojada no peito
24/06/2019 - 09:56  Jogos de hoje definem adversário do Brasil nas quartas de final
24/06/2019 - 09:48  Produção de Brangus comercial se consolida entre pecuaristas de MS
24/06/2019 - 09:45  Advogado defendeu esfaqueador de Bolsonaro de graça
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE