PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 14 de Junho de 2019 - 10:46
Inverno chega dia 21 com pouca chuva e temperatura abaixo dos 5ºC graus



 
 


Começo da nova estação é marcado por dia mais curto e noite mais longa (Foto: Henrique Kawaminami)Começo da nova estação é marcado por dia mais curto e noite mais longa (Foto: Henrique Kawaminami)

O Inverno chega a Mato Grosso do Sul às 11h54 da próxima sexta-feira (21). A nova estação será de pouca chuva, com baixa umidade relativa do ar e temperatura mínima abaixo dos 5ºC na região sul do Estado. As estiagens podem ser intensas com graves consequências, além das poucas frentes frias

A estação começa com o dia mais curto do ano e a noite mais longa. Depois, os dias vão aumentando aos poucos. As chuvas serão irregulares, mal distribuídas e com pouco volume. As frentes frias avançam com fraca intensidade. Os registros totais de chuva, somados no trimestre (Julho/agosto/setembro), não devem ser superiores a 150 mm (milímetros). O inverno acaba às 3h50 do dia 23 de setembro.

Conforme o meteorologista da Uniderp, Natálio Abrahão Filho, o que vem após a passagem das frentes frias são as massas de ar polares. Essas massas provocam considerável queda de temperatura. As cidades de Ponta Porã, Amambaí, Dourados, Paranhos, Eldorado, Mundo Novo, Maracaju, Rio Brilhante e Sete Quedas podem registrar valores abaixo de cinco a zero grau.

Fenômenos registrados com muita frequência no inverno são as constantes inversões térmicas causando nevoeiros, névoas-secas e neblinas (no período da manhã) com umidade baixa. Quando há inversão térmica, os dias sem chuva se intensificam, formam-se ventos que levantam poeira, areia. Situações que causam irritações e doenças principalmente em crianças e idosos.

O ar seco e o vento calmo favorecem a formação da bruma (substância sólidas suspensas no ar), muitas vezes decorrentes de queimadas e incêndio, poluindo o ar. Índices de umidade abaixo de 30% são esperados entre junho e setembro, assim como temperaturas máximas acima dos 30 graus. As manhãs serão frias e as tardes quentes e secas.

Episódios de umidade relativa do ar abaixo dos 20% irão se repetir com frequência. Os focos de calor vão se multiplicar. Os municípios com possibilidade de episódios de umidade e temperatura críticas são: no oeste (nas regiões de Corumbá, Ladário, Miranda, Bodoquena e Porto Murtinho), no norte (Coxim, Sonora, Pedro Gomes, Rio Verde de Mato Grosso e Alcinópolis), no leste (Água Clara, Inocência, Paranaíba, Aparecida do Taboado, Serviria, Ribas do Rio Pardo e Três Lagoas).

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
23/07/2019 - 15:32  PF abre Operação Apagão contra fraude de R$ 26 mi em financiamentos da Caixa
23/07/2019 - 15:31  Na Bahia, Bolsonaro promete não deixar mais obras paradas no País
23/07/2019 - 15:24  Homem é preso por se masturbar em construção e importunar vizinhos
23/07/2019 - 15:13   Homem abre cova no quintal e é preso ao ameaçar enterrar ex-mulher e a mãe dela
23/07/2019 - 15:07  Avó e neto morrem em grave acidente entre S10 e caminhão na 262
23/07/2019 - 15:07  Delcídio não consegue reverter pena e terá que prestar serviços sociais
23/07/2019 - 12:09  Dólar sobe com exterior à espera de corte ameno de juro nos EUA
23/07/2019 - 12:03  MS tem 6 mulheres a cada 10 inscritos no Enem 2019, aponta Inep
23/07/2019 - 12:00  Adolescente morre com cabeça presa em janela ao tentar furtar mercado em MS
23/07/2019 - 12:00  The Fevers, Marcos e Belutti são atrações do Festival do Sobá 2019
23/07/2019 - 11:29  Prévia da inflação fica em 0,09% em julho, diz IBGE
23/07/2019 - 11:11  Detento é encontrado enforcado em cela onde ficam presos do PCC
23/07/2019 - 10:51  Delcídio do Amaral começa prestação de serviços do acordo de delação em 7 dias
23/07/2019 - 10:44  Acabou a festa: PMR apreende 3,4 mil garrafas de cerveja e pinga irregulares
23/07/2019 - 10:11  Bioceânica: pavimentação do Chaco Paraguaio é uma realidade e deverá ser concluída em 2022
23/07/2019 - 10:09  Homem agride ex-mulher grávida e leva botijão de gás da casa dela
23/07/2019 - 10:05  Número de estagiários cresce 13% em MS no primeiro semestre de 2019
23/07/2019 - 09:59  Funcionária de banco suspeita de envolvimento em assaltos é presa
23/07/2019 - 09:57  "Olheiro" do crime organizado morre em confronto com o DOF
23/07/2019 - 09:50  Estúdio fotográfico é condenado por faltar em aniversário de crianças
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE