PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 16 de Julho de 2019 - 11:48
Armageddon Etapa Campo Grande contou com recorde de público



 
 

Os fãs de rachas de carro tiveram um dia de adrenalina em 13 de julho. Aconteceu a 2ª edição da maior disputa entre listas do Brasil, o evento Armageddon, etapa em Campo Grande (MS). O desafio, que reúne pilotos de todo o Brasil, aconteceu no Autódromo Orlando Moura, na Capital, e os rachas iniciaram-se às 12h, prolongando-se até a madrugada de domingo.  

Além dos pilotos de Campo Grande, mais de 20 caravanas de diversos estados prestigiaram o evento. Segundo a organização, circularam pelo autódromo cerca de 3.500 pessoas, sendo, somente de Dourados, aproximadamente 150 pessoas. 

Estiveram na pista mais de 80 carros superpreparados, alguns chegando ao custo de R$ 200.000,00. 

A equipe sul-mato-grossense foi a campeã da primeira edição da disputa, que foi realizada em Londrina (PR) em 2018 e foi vencida pelo piloto campo-grandense Rafael Tolini, com sua Saveiro 4x4, da equipe Piruka Racing.

Já a equipe de Londrina (PR) levou vantagem no sábado (13) contra as demais e foi a grande campeã da noite, na segunda edição da disputa, que foi vencida pelo piloto paranaense Josemar Udema, com seu Opala laranja. Levou também o troféu de primeiro lugar e o prêmio de R$ 15.000,00. 

A próxima etapa será em novembro deste ano, na cidade de Londrina (PR), e o desempate pode estar na pista neste dia. 

Com a campanha “Racha de Rua é Crime! Correr Só no Autódromo!”, a Associação de Pilotos Amadores de Automóvel Misto, de Competição, Motocicleta e Preparadores do Estado de Mato Grosso do Sul (APPA 67) vem desde dezembro de 2017, por meio de eventos realizados em autódromos, procurando incentivar que os tradicionais rachas – corridas ilícitas praticadas em áreas urbanas, rural ou rodovias, entre automóveis e motocicletas – não sejam praticados em vias públicas, e sim em locais seguros, para não pôr em risco a vida daqueles que estão trafegando pelas ruas. Segundo o Código Brasileiro de Trânsito, esses “pegas” são considerados crimes e colocam em risco a vida das pessoas, por isso, há cerca de dois anos, o organizador do evento, Ronny Viegas, criou o projeto Corridas Proibidas Área 67 – A Lista, que, por meio de apoio do poder público, realiza essas competições nos autódromos.

Atualmente, os eventos automobilísticos da Lista Área 67 são os maiores do Estado e vêm gerando “consciência educativa”, além de aquecer o mercado de autopeças e os demais segmentos ligados ao setor, em investimentos que beiram R$ 10 milhões em veículos preparados e que circulam a cada edição. 

Acesse https://www.area67alista.com.br/armagedon para saber mais informações.

 

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
21/08/2019 - 11:54  A 3 dias de competição, Rally dos Sertões muda visual na região central
21/08/2019 - 11:53  Mega-Sena pode pagar até R$ 31 mi nesta quarta
21/08/2019 - 11:42  Carretas batem de frente e deixam um morto na BR-163
21/08/2019 - 10:22  Homem é encontrado morto um dia após sair para caminhada
21/08/2019 - 10:19  Após ataques, polícia reforça a segurança no Jardim Carioca
21/08/2019 - 10:12  Governo perde metade da receita do ICMS do gás natural
21/08/2019 - 09:31  26° Sessão Ordinária na Câmara Municipal de Dois Irmãos do Buriti
21/08/2019 - 09:29  Reinaldo Azambuja participa de reunião do Corredor Bioceânico e recebe homenagem da Câmara
21/08/2019 - 09:17  Brasileiros são suspeitos de planejar atentado contra presidente do Paraguai
21/08/2019 - 09:10  TJ aprova recuperação judicial e Bigolin deve pagar R$ 29,6 milhões em dívidas
21/08/2019 - 09:07  Operação que prendeu integrante do PCC aconteceu após ameaças a PRF
21/08/2019 - 09:06  Quase meia tonelada de pasta base que saiu do MS é apreendida no Sul
21/08/2019 - 09:04  BNDES bancou compra do jatinho “Cheio de Charme”
20/08/2019 - 12:04  Sequestrador de ônibus é morto por atirador de elite na Ponte Rio-Niterói; os 37 reféns passam bem
20/08/2019 - 11:41  Ministro vem a MS para reunião sobre Corredor Bioceânico na quinta-feir
20/08/2019 - 11:36  BNDES financiou R$ 24 milhões em jatos a empresas com atuação em MS
20/08/2019 - 11:33  Adélio diz que esfaqueou Bolsonaro "após ouvir voz de Deus"
20/08/2019 - 10:11  Para CCR, chance de perder ação para revisão de contrato é “remota”
20/08/2019 - 10:08  Partidos de esquerda e centro articulam união para barrar radicais
20/08/2019 - 10:04  Equipe "X Rally Team": De olho no tetracampeonato
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE