PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 20 de Agosto de 2019 - 11:33
Adélio diz que esfaqueou Bolsonaro "após ouvir voz de Deus"



 
 

Adélio Bispo desembarca no aeroporto da Capital, após ser transferido, no ano passadpo - Foto: Arquivo/Correio do Estado

 
 

O delegado Rodrigo Morais, da Polícia Federal, esteve nesta segunda-feira (19) no presídio de Campo Grande onde está Adélio Bispo de Oliveira, preso por esfaquear o presidente Jair Bolsonaro (PSL) durante a campanha em setembro do ano passado.

Em mais um interrogatório Adélio reafirmou que agiu sozinho, pois ouviu uma voz de Deus, afirmou o delegado. Ainda segundo o policial, Adélio disse que esfaqueou Bolsonaro por inconformismo político, e por não concordar com o discurso político do candidato.

“Não acrescentou nada de novo às investigações. Ele foi ouvido na condição de mero informante, pois foi declarado absolutamente incapaz pela Justiça, em razão do diagnóstico de Transtorno Delirante Permanente Grave”, afirmou o delegado.

O atentado aconteceu em 6 de setembro do ano passado, quando Bolsonaro, ainda como candidato a presidente da República, participava de um ato de campanha em Juiz de Fora. Adélio Bispo foi preso no mesmo dia e, segundo a Polícia Militar de Minas Gerais, confessou ter sido o autor da facada.

O interrogatório de Adélio desta segunda-feira foi para o segundo inquérito que apura se houve “participação de terceiros ou grupos criminosos por trás da ação” de Adélio Bispo. Ele foi preso em flagrante logo após o atentado e confessou a autoria do crime contra o então candidato a presidente.

Morais disse ainda que a tendência é terminar a apuração o mais breve possível. “Pois não há qualquer suspeito que possa ter se aproveitado da condição e da predisposição do Adélio para incentivá-lo a praticar o ato”.

Com relação aos advogados de Adélio, o delegado disse que não foi possível confirmar se alguém pagou os honorários ou se eles “abraçaram a causa apenas para promoção”, pois o acesso ao telefone de Zanone Júnior, um dos defensores, foi negado pela Justiça.

Adélio está internado por tempo indeterminado no Presídio de Campo Grande. Na sentença, o juiz aplicou a figura jurídica da "absolvição imprópria", na qual uma pessoa não pode ser condenada. No caso de Adélio, ficou constatado que ele é inimputável, ou seja, não pode ser punido por ter doença mental.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
15/09/2019 - 20:25  'Adeus, mãe': filho grava vídeo de despedida antes de pai jogar carro contra carreta
15/09/2019 - 17:53  Ladrões invadem fazenda, abatem vaca prenha e deixam bezerro morto
15/09/2019 - 17:25  VÍDEO: motorista sofre mal súbito e carreta pega fogo após tombar na BR-163
15/09/2019 - 11:42  Ladrões invadem fazenda, abatem vaca prenha e deixam bezerro morto
12/09/2019 - 10:06  Agentes penitenciários de MS integram tropa de elite do sistema prisional do país em retomada ...
12/09/2019 - 09:39  Governo Presente começa nesta quinta-feira; 14 prefeitos serão atendidos em dois dias
12/09/2019 - 09:27  Situação de emergência decretada pelo Estado abrange nove municípios atingidos pelas queimadas
12/09/2019 - 09:12  Por R$ 3,2 milhões, governo conclui compra de aeronave de SC
12/09/2019 - 09:11  Em MS, 100 homens atuam no combate ao fogo e logística é desafio
12/09/2019 - 08:58  Em apenas uma semana, notificações de sarampo cresceram 35% em MS
12/09/2019 - 08:53  Decreto de emergência por causa das queimadas abrange 9 cidades de MS
11/09/2019 - 11:15  Em MS, 1,4 milhão de trabalhadores poderão sacar FGTS
11/09/2019 - 09:55  Mulher entra na pista e morre atropelada por carreta na BR-158
11/09/2019 - 09:54  Citado em mensagens, Marun diz que vai representar contra procuradores
11/09/2019 - 09:38  Queimadas se intensificam e Ibama estima 1 milhão de hectares em cinzas em Aquidauana, ...
11/09/2019 - 09:38  Rose e Reinaldo sempre trabalharam juntos e com sintonia, diz Sérgio de Paula
11/09/2019 - 09:34  Incêndio em fazendas mobiliza bombeiros e interdita rodovia
11/09/2019 - 09:20  TRF3 rejeita denúncia contra Puccinelli por fraudes em licitações e em obras
09/09/2019 - 12:08  Cocaína furtada pode ter rendido meio milhão de reais
09/09/2019 - 11:57  Transito para na BR 262 em Terenos por causa de acidente com morte
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE