PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 16 de Abril de 2018 - 10:50
Novo cartão postal, Mirante do Pantanal só será menor do que o Cristo Redentor



 
 

Desde a última sexta-feira (13), profissionais ligados ao fomento da cultura em Mato Grosso do Sul acampam no Morro do Paxixi, localizado no distrito de Camisão, município de Aquidauana. O portal de entrada do Pantanal Sul já é reconhecido por trilheiros e ciclistas da região por sua natureza deslumbrante com vista espetacular do nascer e pôr-do-sol. Ontem (14) às 9 horas da manhã, aconteceu visita técnica com integrantes da equipe responsável pelo novo projeto de grande porte turístico para a região: o Mirante do Pantanal.

O morro abrigará a escultura do renomado artista plástico sul-mato-grossense, Cleir Ávila. No mirante, uma arara azul estará de asas abertas para receber os turistas. Com 40 metros de altura e de envergadura, o monumento só será menor do que o Cristo Redentor, do Rio de Janeiro, que mede 73 metros de altura e atualmente é a obra mais alta do Brasil.

Para a vice-prefeita de Aquidauana, Selma Suleiman, que fez parte da visita técnica, o novo cartão postal de Aquidauana estará localizado em lugar estratégico para contribuir no desenvolvimento do turismo em toda a região. “Eu vi esse projeto no papel, ocasião em que o Cleir o apresentou para nós. É um sonho que será realizado, algo realmente grandioso que agora se tornará realidade. A expectativa é de que o projeto seja o ponto de partida para que o turismo em Aquidauana possa deslanchar de vez”, avaliou.

O projeto, que ainda será apresentado oficialmente ao Governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, também passou pelas mãos do turismólogo Matheus Dauzacker, que falou com a equipe de reportagem do jornal 'O Pantaneiro'. "Esse projeto é antigo, já deve ter 12 anos. Quando eu estava na Secretaria de Turismo do município, tentei buscar recursos, mas não fui feliz. Na época, o que a gente conseguiu foi o empenho de alguns deputados, mas a equipe não conseguiu levar pra frente. Agora, estamos refazendo um grupo, temos arquitetos, engenheiros, designers, ambientalistas, jornalistas, artistas, advogados, publicitários, especialistas em Cultura", explicou.

O turismólogo ainda demonstrou entusiasmo sobre o andamento. "No momento em que estamos agora, já realizamos três reuniões e aumentamos as nossas expectativas. Essa obra terá uma importância fantástica para o nosso Turismo, para a questão do meio ambiente e da cultura de Aquidauana. Agora, colocaremos a ideia em prática", disse. 

Olhar do artista

Cleir, que também é um dos idealizadores do projeto, diz que o ponto de partida sempre foi fazer algo para destacar o deslumbrante cenário natural. “Quando surgiu a ideia de fazer o Mirante do Pantanal, do Movimento Arara Azul, descobrimos, após uma pesquisa, que ‘paxixi’, na linguagem dos índios da região, significa ‘panorâmico’. Aí casou tudo. Há vários anos estamos trabalhando nesse projeto, que ficou por um tempo engavetado, mas agora reunimos uma equipe de pessoas que enxergam o quanto é positivo criar esse monumento aqui, para toda a região”, destacou.

Para o artista da terra, Mato Grosso do Sul é conhecido, entretanto, o nome ‘Pantanal’ é muito mais reconhecido mundo afora. Para ele, após a viabilização do mirante, o estado ficará ainda mais conhecido. “Depois desse trabalho, com certeza todos saberão diferenciar muito bem Mato Grosso de Mato Grosso do Sul”, brincou.

Equipe – O Mirante do Pantanal será o segundo trabalho de Cleir em Aquidauana. O primeiro foi a escultura da índia terena localizada na Praça dos Estudantes. “Tenho várias obras em Bodoquena, Bonito, Campo Grande, mas esta é uma região que conheço desde guri. Meus amigos iam para Piraputanga e eu vinha para Camisão. Sempre gostei muito, tenho muita intimidade com esse lugar, numa época eu nem fazia escultura ainda”, revelou o artista.

Com o aval do engenheiro Carlos Portugal, parceiro de Cleir neste e em projetos anteriores, a equipe também fez uso de drone para fazer o mapeamento do lugar.  A mais de 600 metros acima do nível do mar, o Mirante do Pantanal tem grande potencial turístico e artístico.

“Queremos trazer outros atrativos e tornar o local permanente para eventos na região. Com certeza será um divisor de águas, pois a arara azul não representa apenas MS, mas todo o país. A intenção é fazer com que esse movimento seja, além de local, global”, afirma Zito Ferrari, da Porongo Produções Culturais.

Acesso

A Estrada Parque Piraputanga, no trecho até Camisão, que estava em situação precária, já está sendo asfaltada, já que o local tem potencial para ser um dos pontos turísticos mais importantes de Mato Grosso do Sul.

Segundo o empresário e ativista cultural, Ricardo Figueiró, que no ano passado lançou livro sobre o célebre momento histórico da Retirada da Laguna, ressalta a importância desse monumento para o estado. “Sou descendente de Pedro Rufino, comandante da cavalaria durante a Guerra do Paraguai. Estamos no maciço de Aquidauana, onde se refugiaram famílias brasileiras para observar as tropas paraguaias quando invadiram o então Mato Grosso. Agora, com esse novo empreendimento, é uma oportunidade de colocar o Brasil no âmbito empresarial de cultura, negócios e turismo”, informou.

Também estiveram presentes no evento o Secretário de Turismo de Aquidauana, Humberto Torres; Coordenador da Defesa Civil, Mário Ravaglia; e, representando o 9º Batalhão de Engenharia e Combate, Major Niedson de Carvalho Mendonça. 


Fonte O Pantaneiro 

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
20/09/2018 - 09:20  Anac interdita 6 aeronaves irregulares alvos de fiscalização em MS
20/09/2018 - 09:15  Previsão de tempo chuvoso e alerta de tempestade em 32 cidades de MS
19/09/2018 - 10:47  Leilões para "limpar" pátios de delegacias arrecadaram R$ 7 milhões
19/09/2018 - 10:43  Governo divulga resultado da prova de digitação do concurso da Polícia Civil
18/09/2018 - 09:41  Primavera será de calorão e muita chuva em MS, prevê meteorologia
17/09/2018 - 14:29  Durante temporal mais de 4.320 raios atingiram Mato Grosso do Sul
14/09/2018 - 10:25  Governo convoca 251 aprovados para curso de formação da Agepen
14/09/2018 - 10:04  Obras não avançam, mas tarifa de pedágio aumenta R$ 0,10 hoje
13/09/2018 - 14:15  MS tem dois municípios entre os 20 maiores produtores de soja do país
13/09/2018 - 11:10  Estratégica para escoar produção, hidrovia retoma investimentos
13/09/2018 - 11:06  Pelo 4º dia seguido, MS tem cidade entre as mais quentes do Brasil
13/09/2018 - 10:25  Por maioria, STF não autoriza prática do ensino domiciliar
13/09/2018 - 10:09  Trabalhador nascido em setembro já pode sacar abono salarial 2017.
12/09/2018 - 14:29  Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 28 milhões
12/09/2018 - 14:20  Vício no celular desde pequeno põe até a alfabetização em risco
12/09/2018 - 09:52  Sistema prisional do Estado terá ampliação de mais 3,2 mil vagas
12/09/2018 - 09:44  Planos de saúde são cobrados por uso de leitos de UTI da rede pública.
12/09/2018 - 09:43  Reajuste da tabela do frete onera insumos agropecuários de MS
11/09/2018 - 10:21  No Brasil, fome se estabiliza e 22% da população é obesa, segundo FAO
11/09/2018 - 09:38  Sonegação do FGTS cresce; trabalhador deve ficar atento para não perder benefício
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE